segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Depressão pós-casamento



Eu sei que o termo depressão é forte e eu estou muito longe de estar deprimida (Graças a Deus!), mas é que (por favor me digam se mais alguém se sente assim) agora que o casamento passou, eu fico com uma sensação de que está faltando alguma coisa. Eu não tenho que lembrar de ligar ou mandar e-mail pra nenhum fornecedor; nem tenho que pensar no arranjo que vou usar no cabelo; nem nas músicas que vou querer para a festa,...

Eu fico entrando nos blogs de outras noivinhas e visitando sites de inspirações para casamento e penso: "Passei dessa fase"!  E no meu caso nem tem aquele clima de novidade pós-casamento, pois eu já morava com o noivo.

Por favor, me digam que isso é normal!!! 

Gente, é sério, ser noiva vicia! Cruz credo! Hahaha.

Agora que o evento passou, eu parei para fazer uma análise do todo e cheguei à conclusão de que algumas coisas eu teria feito diferente:

1º) Acho que eu não teria começado a organizar tudo com mais de um ano de antecedência. Eu sei que a maioria dos noivos está cada vez mais antecipando os contratos e que os bons fornecedores já estão com a agenda lotada com mais de um ano de antecedência, mas, para mim, pessoa MUITO ansiosa, esses meses de preparativos foram um pouco estressantes. Por isso, acho que eu começaria a organizar o casamento uns 4 meses antes só, para evitar tanta ansiedade.

2º) Não teria fechado contrato com alguns dos meus fornecedores. Da próxima vez que tiver que organizar algum evento, só vou fechar com aqueles fornecedores com quem realmente tiver muita empatia e em quem confiar totalmente. No dia do evento acabou dando tudo certo, mas me decepcionei com alguns dos meus fornecedores durante os preparativos. Como nós estávamos organizando o casamento à distância, acabamos fechando contratos de forma precipitada, devido à nossa dificuldade em marcar encontros com fornecedores, e me arrependi um pouco disso. Acho que as pessoas que cuidarão do nosso grande dia devem ser escolhidas e dedo. Devemos depositar total confiança nelas, para não nos estressarmos às vésperas ou no dia do evento e garantir que tudo saia do jeito que a gente imaginou.

Minha dica para as noivas: façam um casamento para você e seu noivo, do jeito que vocês imaginam. Ouvir a opinião de pessoas experientes é importante, mas não mudem a cara do casamento por influência dos outros. Casamento não "tem que ter isso" nem "não pode ter aquilo". Eu acredito sinceramente que quem decide o que pode ou não pode são os noivos, de acordo com seu estilo e o estilo de sua família e convidados.


26 comentários:

  1. Nossa, eu tava pensando exatamente isso... ainda nao casei, caso só em abril, mas eu ja tava pensando no "e depois?" o que eu vou fazer? Continuar com o blog? ajudar outras noivinhas? mesmo sendo a casada? etc...

    ResponderExcluir
  2. Ops, ai de vc se fechar o blog viu? kkkkkkk Nao foi isso que eu quis dizer, pelamordeDeus!

    ResponderExcluir
  3. Muito legal isso Rebeca, casamento tem sim que ter a cara dos noivos!
    Tbm sou super ansiosa, comecei faltando 1 ano e já tô doida que chegue logo.. imagina quem planeja com 3 anos? Aguento não!
    E quanto ao vazio.. acho que é por isso que muitas recém casadas viram cerimonialistas, decoradoras... rsrsrs

    ResponderExcluir
  4. Não é só você não!!! Acho que toda noiva (que organizou o próprio casamento...noiva não-envolvida não conta) sente uma depressãozinha pós-casamento. Senti isso também...nas semanas logo após o casamento ainda visitava sites de fotografia de casamento (tipo Fabricia Soares) e de dicas (tipo Vestida de Noiva, etc). Tive que dar um basta e me forçar a parar de visitar esses sites, pois a vida continua, né? Nada de ficar vivendo o que já passou :) (ou seja, voltei para o ritmo: se joga no doutorado, porque essa tese TEM QUE sair em 2-3 anos!) Mas uma coisa me deixou muito triste (e ainda me entristece): a princípio, tudo dando certo na vida (nada de divórcios e outros casamentos...estou sendo prática, tá?!) nunca mais teremos um momento aonde seremos o foco de atenção assim, com todo mundo que a gente ama comemorando o início de uma fase nova, um marco em na vida, sabe? Sei que outros momentos únicos virão (filhos, defesa de tese, bodas de pratas, etc) mas comemoração do nível de casamento, com toda aquela energia positiva e o casal no centro das atenções, bem, acho que nunca mais...e isso me dá uma nostalgia enorme (pode falar, eu sou boba mesmo...)

    ResponderExcluir
  5. Eu ainda não cheguei nessa fase, mas acho que vai ficar um vazio sim, agora quase todo meu tempo é preenchido por algo do casamento e depois terei minha casa, os afazeres domésticos, o marido... mas ainda sim sentirei saudade dessa fase, por isso tento curti-la ao máximo!!! MAs acho que logo passa e dai uns tempo vem a fase de ser mãe... e por ai vai...
    Bjos

    ResponderExcluir
  6. Oie lindinha é normal isso acontecer, agora voce tem que achar novos assuntos pra falar, ou mesmo dar dicas para as outras noivinhas, eu ainda nao sou noiva e as vezes nao posto porque nao tenho noticias e tals, mas ai falo sobre outros assuntos srsrss....

    Beijinho

    ResponderExcluir
  7. Oi Re...acho q essa sensação de vazio é normal, afinal foi mais de um ano com esses preparativos... Logo vc se acostuma com essa rotina mais tranquila...

    Então, qto ao casamento com efeito civil, nada tem haver com padre pastor, ou seja lá quem for, nem tão pouco com religião. Qualquer um pertence a uma religião que irá presidir o casamento pode fazer uma cerimonia dessas.
    No meu caso acontece que para que seja feito o meu discurso de casamento, eu tenho que estar legalmente casada pela lei. Caso fizesse essa cerimonia com efeito civil, deveria depois do casamento dormir separada do meu ainda noivo, pois como a moça do cartório mesmo disse eu ainda não estou casada! Meu motivo na vdd é mais devido as leis biblicas... não por outro motivo. Caso eu kisesse realmente, a unica maneira seria o juiz de paz indo até a cerimonia, pois ele entregaria na hora a certidão de casamento! Mas eu não estou afim de gastar 916,00 com isso não...

    Bjus

    ResponderExcluir
  8. Rebeca, concordo com você... Acho que fazer por que tem pressa ou quer reservar tal fornecedor acaba só trazendo dor de cabeça. Tenho mais de um ano pro casamento e ainda não fechei nada.
    Ah! Fiz o post com as fotos que você me autorizou e tem gente reconhecendo você nos comentários... Adoro!!!
    Beijosss

    ResponderExcluir
  9. Bom, ainda não casei nao, mas tenho certeza que terei a mesma sensação que você. Acho que é normal! hahaha

    agente acostuma nessa vida pós noiva

    ResponderExcluir
  10. Nossa, Rebeca!
    Entendo você total!
    No primeiro mês, eu fiquei perdida, com uma sensação de vazio, sabe?
    É muito estranho...
    Eu continuo visitando todos os blogs e sites casamentícios, porque sempre tem alguma coisa bacana, bonita e interessante!
    É o tipo de assunto que prende sempre!
    Inclusive, tem horas que pego pensando já nas bodas de papel.
    Hehehehehe...
    Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Eu ainda nem casei e já pensei nisso umas mil vezes!
    Agora que tá chegando, tem menos coisas pra fazer... Nada pra inventar!
    Fico pensando o que será do blog e de todas as pessoas que "conheci" depois que passar o casamento!
    É normal sim! Todo mundo que senvolve desse jeito com as coisas passa por isso!
    Bjoss

    ResponderExcluir
  12. A idéia da Ana Paula é boa, vai planejando as bodas de papel, viagem de 1 ano de casada, receitas, baby etc!

    ResponderExcluir
  13. Ai flor, depressão é froids.. mesmo que seja um estado de tristeza..
    Acho que você hoje tem uma visão bem diferente do casamento como um todo (cerimônia e matrimônio) e tem porte pra ajudar muita gente que tá na situação do texto do cafa (idealizando conto de fadas e esquecendo do depois)

    Quanto ao texto dele, tb concordo.. Acho que ele supervaloriza o físico, mas é o que mais acontece hj em dia.. Provavelmente se perguntarmos por aí, as opiniões masculinas serão bem próximas da dele...

    bjos

    ResponderExcluir
  14. Assim que nós marcamos o casamento e comecei a pesquisar freneticamente sobre o assunto, Elmo me fez prometer justamente isso: que eu não entraria em depressão [de novo!] por causa do fim dos preparativos...
    Talvez seja por isso que o número de ex noivas que viram cerimonialistas é tão grande, não? ^^

    Beijão!!!

    ResponderExcluir
  15. Siiiiim, é normal!!!!! Inclusive já me mandaram tomar cuidados pra não ficar assim depois! hahaha
    Mas daqui a pouco você substitui o tema casamento por outra coisa que te interesse mais no momento, seja estudos, trabalho, filhos... rsrs
    Eu já sei que vou trocar o casamento pelos estudos, porque nesse um ano e pouco de preparativos tô emburrecendo que é uma beleza! hahaha
    Mas faz um post de quem você recomenda e quem não recomenda!!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  16. Você tem razão, acho que tudo tem que ter a cara dos noivos, e é assim que estou tentando fazer o meu casamento.
    E quanto à sua "depressão", eu imagino a falta que deve fazer essa fase, afinal, é uma fase muito gostosa. Eu que estou há um mês do meu casamento, já estou cansada e não vejo a hora de chegar logo, mas tenho certeza que quando passar vou ficar com saudade.
    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Posso imaginar como você deve estar se sentindo ... nós nos envolvemos tanto ... nos impregnamos tanto ... tudo em nosso dia acaba girando em torno, de alguma forma, com esse sonho tão grande ...
    Bom, agora é uma nova fase, não?!
    Acho que também, certamente, tem sua alegria... basta que você decante essas emoções tão recentes e possa se encantar por algum outro projeto : )
    Torço!

    Beijo!
    A.P.
    [Quase] esposa, [sempre] nerd.
    www.docevidanerd.blogspot.com
    (meu login foi invadido, desculpe o inconveniente)

    ResponderExcluir
  18. Nah! Os fondados são aqueles branquinhos cobertos de açucar, enjoados que é uma beleza! rsrsrs
    Caramelizado nos encomendamos um ouriço de amêndoas da Mery Anne Azevedo que parece feito de chocolate branco! Muito bom!!!

    ResponderExcluir
  19. Ola Rebeca tudo bem?
    Sou leitora de blogs e adoro o seu, venho aqui sempre. Voce tem uma personalidade muito distinta e eu adorei o seu casamento, muito "a cara do casal"... Tenho certeza que essa fase "depressao" passara rapidinho, principalmente com tanto carinho nos comentarios ai em cima...
    Eu comecei um blog recentemente e gostaria de pedir a sua autorizacao para incluir o seu blog com link na minha lista de blogs favoritos.
    www.belezapravidatoda.blogspot.com
    Me avisa
    Obrigada
    beijinho

    ResponderExcluir
  20. Tá todo mundo me perguntando o q vou fazer com o blog agora q Nandinha casou. Será q irmã/madrinha tb vai entrar nessa de 'depressão pós casório'?
    rsrs
    Bem, o vestido da Nanda ñ foi originalmente Carol Hungria, mas as meninas do atelier conseguiram fazer uma cópia descarada,né?

    kkkkkkkkkkk

    http://www.socorrominhairmavaicasar.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  21. Mamãe já deu o grito lá em casa:
    - Deixa a gente respirar, viu?
    kkkk
    Acho que o meu vai demorar um 'cadim'

    http://www.socorrominhairmavaicasar.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  22. Fiquei exatamente assim, e até hoje, um ano depois, ainda sinto um vazio e saudade do grande dia que já passou! Bjos

    ResponderExcluir
  23. Ah flor eu morro de saudades!
    Eu costumo dizer que o me casei, mas não larguei o buquê!
    Bjs

    ResponderExcluir
  24. Eu acho super normal. Encaro meio como um hobbie sabe? Pra não me levar tão a sério. hahahaha Mas aí preencho com outras coisas "fúteis" como moda e maquiagem. Tá dando certo. :)

    Beijos

    ResponderExcluir
  25. Oiii Receba ... adorei esse post! Principalmente suas dicas .. e acredita que uma delas me tranquilizou? Quero casar em junho de 2012 e ainda não fechei nada nem com ninguém ... por um lado estou desesperada, mas por outro, não tenho meeesmo como fazer isso agora .. então, o jeito é torcer pra dar tudo certo até lá.
    Quanto à sua depressão ... é, ainda não posso ajudar, mas já li coisas sobre isso dizendo que é super normal .. q tem mulheres casadas que continuam frequentando expo e feiras ...
    beijinhos.

    ResponderExcluir
  26. Mulher quem passou poir isso foi minha mãe , ela ficava falando que estava um vazio , que estava com saudade de toda agitação.

    ResponderExcluir

O que você achou?!?!

Se for comentar como "anônimo" não esqueça de deixar seu e-mail!!!